29/10/2014

5 dicas para passar o fim de ano sem dor nas costas

Fisioterapeuta orienta como prevenir problemas na coluna durante as férias

Montar a árvore de Natal, carregar compras, fazer longas viagens de carro. Estas são algumas das atividades comuns no fim do ano, que, se feitas com a postura inadequada, podem provocar dores na parte posterior do corpo. O Dr. Rafael Bonaparte, fisioterapeuta, listou o que fazer para que a rotina desse período não cause problemas na coluna:

 

– Montagem da árvore de Natal: “As pessoas costumam ficar muito tempo agachadas ou, pior, de pé, abaixando sempre para pegar algo no chão. Ficar com a coluna dobrada pode causar problemas na região lombar”, afirma o Dr. Rafael.  A sugestão é encontrar uma posição que não sobrecarregue as costas, como apoiar um dos joelhos no chão e o dobrar o outro à frente para fazer o contrapeso.

 

– Dia de compras: Caminhar por longos períodos, pegar filas e carregar as compras. É possível fazer tudo isso sem sofrer de dor nas costas no fim do dia. Ao andar, a postura ereta deve ser mantida e, no caso das filas, o peso do corpo tem que ser distribuído igualmente entre as duas pernas. “É muito comum que, para descansar, as pessoas se apoiem em uma das pernas e isso pode causar até um estiramento na coluna”, explica. Na hora de carregar as compras, a recomendação é usar uma mochila.

 

– Carregar as malas: “Quando abaixamos com o joelho esticado para pegar a bagagem, o peso que recai sobre as costas é cinco vezes maior que o do objeto”, alerta o Dr. Rafael. Para não machucar a coluna, a dica é flexionar os joelhos, ao invés de se abaixar.  

 

– Engarrafamentos: Segundo o fisioterapeuta, o ideal é que o encosto do banco esteja posicionado a 90° e que alongamentos sejam feitos de hora em hora. “A cada parada, uma sugestão é a extensão de tronco: de pé, a pessoa coloca as mãos na região lombar e curva as costas para trás. Dez repetições evitam lesões”, ensina o Dr. Rafael. Para quem já tem problemas na coluna o indicado é a utilização do rolo Mckenzie, que corrige a postura com a pessoa sentada.

 

– Colchão diferente do seu: É muito comum que o corpo estranhe um colchão diferente nas primeiras noites. Para que não haja dores ao amanhecer, o ideal é que ele não seja nem duro, nem mole. O mais importante é estar apoiado em uma estrutura rígida, nunca em madeiras quebradas. “É preferível colocar o colchão no chão a um estrado ruim. Para quem já tem dores vale a pena usar um travesseiro para sustentar a coluna lombar”, indica o fisioterapeuta.

 

Com dez anos de experiência em fisioterapia, o Dr. Rafael Bonaparte atende em seu consultório em Belo Horizonte (MG). Um dos métodos mais utilizados por ele é o auto tratamento, em que o profissional orienta os exercícios e o paciente pratica em casa, sem a necessidade de visitar a clínica. O especialista ressalta que se as dores na coluna aparecerem e/ou persistirem é importante consultar um médico.

 

Sobre o Dr. Rafael Bonaparte:

Fisioterapeuta formado pelo Centro Universitário de Belo Horizonte (UNI-BH) e com pós-graduação em Ortopedia e Esportes. Possui mais de dez anos de experiência na área de fisioterapia. Trabalha com Quiropraxia, Pilates, Acupuntura, reeducação postural, rolo McKenzie e outros. Utiliza o método de auto tratamento, em que orienta exercícios para seus pacientes praticarem em casa, sem a necessidade de ir ao consultório.

 

Gostou deste post?

Clique na estrela para avaliá-lo

Avaliação média / 5. Contagem de votos

Sem avaliações seja o primeiro!

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!