29/10/2013

Big data a favor da saúde preventiva

Algoritmo da startup Vitalbox mapeia riscos de doenças para cada indivíduo

Analisar uma grande e variada massa de dados em questão de segundos, fornecendo um resultado que seja útil à saúde do indivíduo. É assim que a Vitalbox (www.vitalbox.com.br), plataforma de monitoramento com uso gratuito, vem empregando novas tecnologias, que o mercado convencionou chamar de Big Data. Por meio destas, é possível correlacionar fatores de riscos de doenças com faixa etária, sexo, etnia, estilo de vida, entre outros. A resposta é personalizada e aponta chances de o usuário vir a desenvolver enfermidades crônicas, como diabetes, câncer e quadros cardíacos.

 

Vitalbox

 

Cada item preenchido (idade, medidas, hábitos alimentares, prática de exercícios físicos) passa a compor uma base de dados da saúde dos brasileiros que, uma vez analisada, informa ao participante o quanto seus riscos estão abaixo ou acima da média com relação ao restante da população. “Conforme mais consciente das características de seu corpo e dos fatores que influenciam seu bom funcionamento, menor é a probabilidade de o indivíduo desenvolver doenças crônicas” explica Carlos Bassi, cofundador da plataforma online.

 

À medida que essa base cresce, é possível identificar grupos específicos de pessoas com probabilidades de doenças semelhantes, como funcionários de uma mesma empresa ou moradores de determinada região. Assim, são traçados perfis coletivos capazes de incentivar ações de prevenção mais segmentadas. Usuários com riscos em comum poderão compartilhar experiências e dicas pela plataforma, que funcionará também como uma rede social voltada à saúde.

 

A cada inserção ou alteração de dados no sistema, o Big Data entra em ação novamente para atualizar o perfil do usuário. Já foram oito milhões de mapas de saúde traçados pela ferramenta nos últimos seis meses. “Criamos uma plataforma sólida com tecnologia para operar um grande volume de dados, mesmo que ele se multiplique da noite para o dia” comenta Bassi.

 

Até o final deste ano ocorrerá o lançamento do aplicativo para celular e já está prevista também a integração com laboratórios e hospitais, para que os resultados dos exames do usuário sejam automaticamente processados em seu perfil na Vitalbox, afinal, prevenir sempre é melhor que remediar.

 

Sobre a Vitalbox:

É uma startup brasileira que oferece uma plataforma de saúde pessoal, desenvolvida em parceria com a Biosignia, empresa norte-americana de ciência e tecnologia que conta com o apoio de universidades como Duke University, Cornell University e University of Washington. O prontuário eletrônico utilizado foi desenvolvido por Harvard e MIT. Com a ferramenta, os indivíduos podem fazer análises on-line de riscos e obter mapas personalizados de saúde. O preenchimento dos dados não requer conhecimentos médicos. A plataforma Vitalbox não pode nem deve ser entendida como um diagnóstico médico, ou como um substituto para consultas realizadas por um profissional da saúde, mas sim como uma forma de auxiliar o indivíduo a permanecer mais tempo saudável. www.vitalbox.com.br. Telefone: (11) 2495-2013.

Gostou deste post?

Clique na estrela para avaliá-lo

Avaliação média / 5. Contagem de votos

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!