28/03/2019

Bitcoin: Mesmo em baixa, criptomoedas trazem oportunidade de lucro para quem sabe investir

O consultor Alex Silva ajuda leigos a fazerem negociações de moeda virtual. Compra e venda podem ser automatizadas com inteligência artificial

Depois do pico do Bitcoin no final de 2017, quando o câmbio chegou a US$ 20 mil, a queda do valor da moeda virtual fez diversos analistas decretaram que a bolha das criptomoedas havia estourado. Um erro gritante, na análise do consultor Alex Silva (escolaempreendedordigital.com/alex-silva-investimento-bitcoin), que enxerga na volatilidade desse mercado um filão ainda pouco explorado por investidores sem conhecimento técnico.

“As pessoas leem aquela subida como o ápice da moeda, quando, na verdade, foi um exemplo do potencial. É um mercado que precisa se popularizar, pois oferece uma oportunidade que tem passado em branco para muita gente”, explica. Por meio de mentorias personalizadas, Alex ajuda a mudar esse panorama entre seus clientes.

Segundo o especialista, as particularidades das criptomoedas acompanham as constantes subidas e descidas do câmbio e, por isso, trazem um potencial de ganho maior para quem aposta em diversas pequenas operações ao longo do dia. Claro, nem todos os investidores têm a disponibilidade de tempo para atuar dessa forma. Nesse caso, há ferramentas que automatizam as compras e vendas de acordo com critérios preestabelecidos.

“Grande parte das exchanges permite utilizar APIs para conectar robôs com inteligência artificial que ajudam a atingir rendimentos diários”, conta Alex, que orienta os clientes na escolha da solução mais adequada aos seus interesses e objetivos. Isso significa, inclusive, determinar se a melhor opção é uma estratégia mais conservadora, ou seja, a compra com objetivo de venda a longo prazo. Isso porque a tecnologia por trás do Bitcoin, que baliza o câmbio das demais criptomoedas, faz com que a oferta caia ao longo do tempo. Por consequência, o valor tende a subir no futuro.

Do marketing digital para o universo das moedas digitais

Com duas décadas de experiência na área da tecnologia, Alex Silva tem uma história que foge da tradicional no mercado financeiro. Nos últimos anos, trabalhava com marketing digital e começou a se interessar por blockchain – a infraestrutura que garante a segurança das transações com moedas digitais. O objetivo era entender como essa tendência afetaria a vida dos seus clientes. No entanto, um destes pediu a Alex que o orientasse em negociações com Bitcoins.

Deu certo. Dois anos depois, o consultor já atendeu 225 pessoas, que começaram a investir com valores que vão de R$ 400 a R$ 100 mil reais. De acordo com ele, a média de rendimentos mensais é de 8%, mas há casos fora da curva em que clientes multiplicaram em algumas vezes o aporte inicial.

“O que é preciso entender é que quando falamos de criptomoedas não é só sobre mercado financeiro, mas sim tecnologia”, afirma Alex. “O que está acontecendo é um processo semelhante ao do marketing. Antigamente, ninguém falava que o marketing digital poderia ser acessível a uma pessoa comum. Hoje existe um autosserviço, a pessoa pode impulsionar o próprio post. O Bitcoins oferece a mesma autonomia”.

Para ele, o bonde do dinheiro do futuro já zarpou. Mas quem correr ainda consegue alcançá-lo e sentar na janela.

Sobre Alex Silva

Consultor de investimentos em criptomoedas. Profissional com 20 anos de experiência em diversas áreas tecnológicas, Alex oferece mentoria para pessoas interessadas em começar a investir em Bitcoins e outras moedas virtuais. Além de esclarecer conceitos e definir estratégias de acordo com o perfil do cliente, o especialista também indica ferramentas que auxiliam no processo, como algoritmos que controlam operações diárias de compra e venda. http://escolaempreendedordigital.com/alex-silva-investimento-bitcoin.

Gostou deste post?

Clique na estrela para avaliá-lo

Avaliação média / 5. Contagem de votos

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!