05/11/2015

Franquia de mobile marketing é opção para casal brasileiro após demissões

Novidade e baixo investimento inicial foram atrativos para escolha da espanhola Louyt, que acaba de aterrissar no país

Em julho deste ano, o casal André Peixoto e Giane Liberato, de Itajaí (SC), perderam seus empregos em razão da crise. A empresa da qual ele era gerente operacional e ela analista comercial fechou as portas. A cidade catarinense de menos de 200 mil habitantes, cuja economia é muito baseada no porto, em meio à recessão perdeu muito da carga que costumava receber.

 

Louyt

 

“O primeiro mês foi muito complicado. Temos um filho pequeno, de 4 anos, e o salário era muito bom. Mas precisei pôr a cabeça no lugar e pensar em uma saída”, diz André. Decididos a abrir um negócio, mas sem grandes reservas, o casal encontrou uma oportunidade de negócio na Louyt (www.louyt.com), franquia de mobile marketing fundada na Espanha e que acaba de começar a franquear unidades no Brasil.

 

O primeiro fator que chamou a atenção dos dois foi a novidade das landing pages – páginas desenhadas para formato mobile com campanhas interativas que podem ser enviadas por SMS, e-mail ou compartilhadas nas redes sociais -, que se encaixam para diversos tipos de negócios. “Isso é muito novo, principalmente em nossa região. Ninguém tinha ouvido falar”, afirma André.

 

Outra vantagem apontada pelo casal é a facilidade de criação das campanhas – mesmo por quem não entende muito do assunto – por meio da plataforma integrada da Louyt, que reúne todas as ferramentas em um mesmo local. A baixa taxa de franquia, que não pesa no investimento inicial, também foi determinante para a escolha da marca.

 

Feito o treinamento oferecido pela franqueadora, André e Giane preferiram adaptar um espaço próximo à sua casa para utilizar como escritório, ao invés de trabalhar no modelo home based. Apesar disso, a autonomia para administrar os horários ajudou bastante na rotina dos pais de primeira viagem. “De manhã a Giane fica em casa cuidando do Theo e eu já vou para o escritório. À tarde, visitamos juntos os clientes”, conta o franqueado. Para integrar a equipe, André ainda chamou Nelson Peixoto, seu pai, que possui bastante experiência com vendas.

 

Com quatro meses de funcionamento, a unidade de Itajaí da Louyt já possui como clientes concessionárias, restaurantes, salões de beleza e imobiliárias. “Para os grandes, apenas comercializamos a ferramenta, já que normalmente eles possuem sua própria equipe de marketing. Para os menores, com menos estrutura, oferecemos todo o suporte”, explica André. A meta é ter por volta de 50 clientes até a franquia completar um ano, no meio do ano que vem.

 

Para abrir uma franquia da Louyt, o investimento inicial médio é de R$ 31 mil. Com faturamento estimado em até R$ 100 mil mensais e margem de lucro girando em torno de 70%, a meta da empresa é ter 40 franqueados até o final do ano no Brasil. Para os 20 primeiros, é oferecido desconto de 50% na taxa de franquia, por isso André e Giane investiram somente R$ 16 mil para abrir sua unidade. No mercado espanhol, a empresa já atendeu a mais de 200 clientes.

 

Sobre a Louyt

Empresa fundada em 2013 – integrante da holding Sharing Global Business -, com 17 anos de experiência na criação de companhias de mobile marketing, telecomunicações e desenvolvimento de sistemas. A Louyt tem como principal produto as mobile landing pages – páginas interativas acessadas por dispositivos móveis. Com sócios brasileiros e europeus, e de olho no potencial do mercado de smartphones no país – que é o primeiro da América Latina e o quarto do mundo –, a empresa acaba de lançar no Brasil modelo de franquia home office para consultores de marketingwww.louyt.com. Tel.: (11) 3958-7999.

 

Gostou deste post?

Clique na estrela para avaliá-lo

Avaliação média / 5. Contagem de votos

Sem avaliações seja o primeiro!

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!