04/12/2013

Viajar com smartphone ou câmera profissional?

Fatores como bateria, precisão e estabilidade influenciam na escolha da máquina para registrar suas férias

Os smartphones caíram no gosto popular e facilitam o cotidiano ao fazer um pouco de tudo. Estão cada vez mais modernos e com melhores recursos para o dia a dia dos seus usuários, como é o caso da câmera acoplada ao aparelho. Mas será que os celulares já podem disputar com as câmeras profissionais?

 

Na correria do dia a dia, poder tirar uma foto e já compartilhar nas redes sociais é uma praticidade dos celulares. Nesses casos, em geral, as cenas fotografadas não necessitam de zoom, flash ou outro fator especial. Mas, durante uma viagem de férias, por exemplo, não se sabe quais paisagens serão encontradas no caminho e sob quais condições de luz, nem se será possível chegar próximo ao “alvo” da foto. Situações assim pedem um equipamento dedicado para capturar imagens de qualidade.

 

Os celulares possuem muitas funções além da câmera, o que aumenta o consumo da bateria e limita a capacidade de alguns recursos. Como nem sempre é possível ter um carregador à mão, é uma tarefa difícil escolher entre ficar sem energia ou sem a foto. A bateria com longa duração das câmeras, somada às características e acessórios como lentes, filtros, flash, diafragma e obturador, ampliam a possibilidade de “brincar” com as fotos. Com um visor LCD, por exemplo, é possível dar mais precisão ao foco, aumentar a estabilidade e bloquear a luz durante a gravação.

 

Para não perder uma boa imagem também é preciso ter um equipamento de fácil manuseio e simples na hora do “clique”. As câmeras profissionais têm um sistema que ajusta a imagem de acordo com a situação – retrato noturno, paisagem, etc. –, gerenciando as cores e impedindo que a foto saia com ruídos ou imperfeições. Um exemplo é a Nikon SLR D3200, com lente 18-55 mm, controle de flash e filmagem em Full HD. A câmera custa R$ 3.105 na loja Lumitec Foto (www.lumitecfoto.com.br).

 

Para quem procura um equipamento mais sofisticado, há opções que possuem a função de edição de foto e vídeo, permitindo ao usuário fazer cortes simples sem a necessidade de um computador, como a Canon SLR EOS Rebel T5i. Com 18 megapixels e lente 18-55 mm, a câmera possui ainda microfone estéreo interno, filtro para evitar ruídos nas gravações, ajustes de luz e de foco e balanço automático. Na Lumitec, a máquina sai por R$ 4.100.

 

“Por mais que as câmeras dos celulares sejam boas, elas ainda deixam a desejar quando a intenção é tirar uma foto com o máximo de qualidade. Mesmo com valor maior que um smartphone, as câmeras profissionais tem uma relação custo-benefício que vale a pena, afinal são itens que não precisam ser trocados com frequência e fazem um registro fiel dos momentos especiais”, afirma Marcelo Laia da Lumitec Foto.

 

Sobre a Lumitec Foto:

Loja que vende itens de fotografia, desde câmeras profissionais até flashes, lâmpadas, sistemas para estúdio e outros. Atende em loja física e e-commerce em todo o Brasil. Dispõe de consultores técnicos para atendimento e tirar dúvidas. www.lumitecfoto.com.br. Telefone: (11) 3337-2849. 

Gostou deste post?

Clique na estrela para avaliá-lo

Avaliação média / 5. Contagem de votos

We are sorry that this post was not useful for you!

Let us improve this post!